CIÚMES

CIÚMES
 
Ciúmes,
Pimenta do amor.
Provoca e estimula.
Ardente tempero
Do meu afeto.
 
Curtido no amor...
Fortalece os sentimentos,
Dá vida à volúpia.

Curtido na desconfiança
              ... destroi
                        ... mutila as relações.
 
Wagner Mar



Comentários

  1. Querido amigo,
    Muito oportunas suas palavras: se bem intencionado e administrado o ciúme pode mesmo ser considerado aquela pimentinha que dá tempero extra ao amor, mas se levado para o lado da desconfiança leva a relação à ruína total. Como sempre, bem inspirado e com feliz abordagem você nos traz momentos de reflexão serena e sadia.
    Siga com seus versos a iluminar nossas mentes e nosso caminho.
    Abraços,
    Ivan

    ResponderExcluir
  2. Ah! Wagner
    Com certeza você chegou lá! Uma forma perfeita de descrever esse veneninho (pimenta), que como disse seu amigo acima, deve ser MUITO bem administrado. Adorei.
    Bjs
    Cleide

    ResponderExcluir
  3. Olá, Wagner!
    Boa definição... gostei! No momento certo e na medida certa, é bem-vindo!
    Beijos,
    Sílvia

    ResponderExcluir
  4. Meu amigo Wagner
    De todos os poemas que li, este é "hors concours".

    Achei BRILHANTE!!! Parabéns!

    Abssss

    Sergio Cusin

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas